Social
12/05/2020
Distribuidoras deixam de lucrar R$ 4,623 bi com a pandemia

O MME calcula em R$ 4,623 bilhões, até o momento, o impacto financeiro da pandemia de coronavírus no faturamento das distribuidoras de eletricidade, que sofrem tanto com queda nas vendas de eletricidade quanto com aumento da inadimplência. De acordo com o MME, o nível de inadimplência no setor desde o dia 18 de março chegou a 15,08%, quase cinco vezes maior do que a média registrada no primeiro semestre de 2019, de 3,27%. Com isso, as distribuidoras deixaram de arrecadar R$ 3,478 bilhões desde o início da pandemia. A maior parte dos impactos foi concentrada nos últimos 30 dias. (Folha de São Paulo – 12.05.2020)